Em sua conta oficial do Instagram, o presidente publicou um story em que promove ações do governo com música que tem a voz do artista.

O presidente Jair Bolsonaro (PL) será processado pelo cantor Caetano Velosopor ter usado a voz do artista em uma publicação nas redes sociais. A informação é do jornalista Guilherme Amado, do Metrópoles.

Neste sábado 2, em sua conta oficial do Instagram, Bolsonaro publicou um storyem que promove ações do governo com a música “Andar com fé”, de Gilberto Gil, na versão gravada por Gil e Caetano no disco “Dois amigos”.

Ao jornalista,  o advogado Caio Mariano, que representa Caetano, afirmou que o fato de as músicas estarem disponíveis nas redes sociais não autoriza o uso para fins de propaganda institucional e política.

“Os políticos de qualquer partido precisam entender que internet não é terra de ninguém”, disse ao site.

O presidente também usou canções de Preta Gil, Gloria Groove e Daniela Mercury.

Fonte: Carta Capital