Presidentes da Rússia e da França conversaram por telefone durante quase duas horas neste domingo (6)

Vladimir Putin disse neste domingo (6) a Emmanuel Macron que alcançará “seus objetivos” na Ucrânia “pela negociação ou pela guerra”. A declaração foi feita durante uma conversa telefônica que durou 1h45 entre o presidente russo e seu colega francês, informou o governo de Paris.

Emmanuel Macron viu Putin “muito decidido a conseguir seus objetivos”, entre eles “o que o presidente russo chama de ‘desnazificação’ e neutralização da Ucrânia”, assim como o reconhecimento da soberania sobre a Crimeia e a independência dos territórios de língua russa. 

Em entrevista publicada no site do Le Monde neste domingo, o general Thierry Burkhard, chefe do Estado-Maior do Exército da França, admitiu temer que, apesar das dificuldades encontradas, o “rolo compressor” de Moscou seja imposto à Ucrânia nas próximas semanas ou meses.

Hoje, a Rússia teria atacado o aeroporto de Vinnytsia, no centro da Ucrânia, segundo informações divulgadas em vídeo pelo presidente ucraniano, Volodmir Zelenski, nas redes sociais. De acordo com ele, oito mísseis foram usados durante o ataque. 

Fonte: R7 Notícias